Digitalização de negócios será legado deixado pela pandemia

Atualizado: 30 de Out de 2020


O futuro se faz agora. A pandemia do novo coronavírus afetou de diversas formas os empreendedores e acelerou muitas mudanças nos negócios. O aumento do home office, das vendas online, a migração para as redes sociais e o reforço nos sistemas de entrega e drive-thru são alguns exemplos de processos que cresceram neste período. Especialistas apontam que essa digitalização dos negócios é uma realidade e um legado da pandemia que deve perdurar no futuro.


"“Acredito que a mudança para o ambiente digital vai ser integrada ao presencial” Isabel Ribeiro, do Sebrae


“Uma vez online, sempre online. Acredito que a mudança para o ambiente digital vai ser integrada ao presencial”, comenta a gerente da unidade de Gestão Estratégica do Sebrae, Isabel Ribeiro. Ela aponta que muitos donos de negócios podem preferir se manter só no online ou vendendo por meio do drive-thru pela possibilidade de diminuir despesas, mas que a expectativa principal é a integração desses serviços.


"“O mercado está mudando muito rápido e novas demandas surgiram” Edson Cedraz, da Delloite


O principal fator na tomada de decisões no fim das contas é o cliente. Para o representante da Delloite – empresa de consultoria empresarial –, no Nordeste, Edson Cedraz, independentemente do tamanho da empresa, é preciso criar proximidade com os clientes.

“O comportamento do consumidor está mudando mais rápido, está mais volátil. E a competição online é maior devido ao alcance de possibilidades e dos diferentes serviços ofertados. O mercado está mudando muito rápido e novas demandas surgiram, por isso é importante estar próximo ao cliente”, fala Cedraz.

Para Mônica Schimenes CEO da MCM Brand Group – grupo de comunicação integrada –, todos os setores precisam repensar seus planos de negócio e pensar em formas novas de entregar seus produtos e serviços de maneira digital.

Entre os setores que têm grandes possibilidades de crescimento para o pós-pandemia estão o turismo, o entretenimento e o varejo de roupas, de acordo com Isabel Ribeiro, do Sebrae. Ela aponta que estes setores que tiveram a demanda reprimida pela pandemia, com o processo de reabertura e a maior confiança do consumidor, podem voltar a registrar crescimento.

Eduardo, da QR Point, diz que acesso ao site dobrou | Foto: Shirley Stolze | Ag. A TARDE

Startups em destaque

“Os negócios para sobreviver precisam buscar os problemas dos clientes e ofertar soluções como produtos e serviços, com isso se mantêm relevantes e passam a integrar o dia a dia dos clientes”, indica Mônica Schimenes. Neste contexto, um dos setores que mais têm se destacado durante a pandemia são as startups, por oferecerem soluções tecnológicas para problemas reais.

Exemplo disso é a QR Point, que é uma empresa que trabalha com a gestão inteligente da jornada de trabalho. O CEO do negócio, Eduardo Lobo, conta que o acesso ao site da empresa teve o dobro de acessos desde o início da pandemia justamente porque os empreendedores estão buscando soluções para gerenciar melhor o home office.

“O home office era uma tendência antes da pandemia, agora é uma realidade. Muitas empresas vão continuar trabalhando neste modelo mesmo que alternando com o presencial, e é preciso pensar em soluções para organizar e integrar as diferentes modalidades de trabalho”, fala Eduardo Lobo.

Quem também se aproveitou deste momento de pandemia e da necessidade das entregas para os negócios continuarem funcionando foi a startup Traz Favela. “Trabalhamos com mediação de entregas e levamos produtos da favela para outras regiões e vice-versa”, explica a sócia do negócio Ana Luiza Sena. Ela conta que a startup teve crescimento de 300% e aparece como uma solução tecnológica para um problema real.

De acordo com Edson Cedraz, da Delloite, as startups saem com uma vantagem neste momento de pandemia que vale também para o futuro. “A tecnologia está no centro de tudo que está acontecendo, e quem consegue resolver problemas tem chance de lidar muito melhor com este momento”, explica.


http://atarde.uol.com.br/empregos/noticias/2139267-digitalizacao-de-negocios-sera-legado-deixado-pela-pandemia

1 visualização

© Copyright 2020  -

Feito com amor por MCM Brand Experience.